* Diagnóstico

 

 

Existem várias condições que podem levar à infertilidade masculina. Por isso, é essencial que seja realizada uma avaliação completa do homem, para que a causa da infertilidade seja identificada e o melhor tratamento seja instituído. Essa avaliação inclui uma série de perguntas (história médica), um exame físico minucioso dos órgãos genitais, além de exames de laboratório.

 

Os exames de laboratório incluem testes realizados no sangue e no sêmen. Dosagens dos hormônios no sangue irão determinar os níveis de testosterona e outros hormônios. Uma ou mais análises deverão ser realizadas no sêmen. Não pense que o espermograma é o único exame existente. Leia mais sobre os exames disponíveis em nosso Laboratório de Andrologia.

 

Dependendo do caso, outros testes podem ser necessários para elucidar o problema. A ecografia (ultra-som) dos testículos e próstata pode ser necessária. Em outros casos, pode ser necessário a retirada de um pequeno fragmento do testículo para análise microscópica (biópsia de testículo), com o objetivo de avaliar se o testículo está produzindo espermatozóides normais e maduros. Por fim, pode ser necessário a análise genética, que é realizada por meio de um exame de sangue. Esta inclui dois testes muito importantes, que são o cariótipo e a pesquisa de alterações no cromossomo Y, que é o cromossomo masculino.

 

Na grande maioria dos casos, após a realização destes exames, é possível identificar a causa da infertilidade. Algumas causas podem ser tratadas através de medicamentos, como por exemplo as infecções e as deficiências hormonais. Outras, como a varicocele e as obstruções, podem ser tratadas através de microcirurgia.

 

Atualizado Agosto 2014


Androfert - Centro de Referência para Reprodução Masculina - Todos os Direiros Reservados