Infertilidade

 

Milhares de crianças nascem no País todos os anos. Graças aos grandes avanços no campo do diagnóstico e tratamento da infertilidade conjugal, um número cada vez maior desses nascimentos são originados a partir de casais que antes eram considerados inférteis.

 

A dificuldade para ter filhos é muito mais comum do que se imagina. De cada 6 casais, 1 terá dificuldade para engravidar. Ao contrário da crença popular, a mulher não é a principal responsável pelos problemas de fertilidade. Na verdade, o homem é o responsável em cerca de 40% das vezes, e a mulher em outros 40%. Assim, o homem e a mulher contribuem para a infertilidade conjugal na mesma proporção. Em 20% das vezes, os dois parceiros possuem problemas que impedem a gravidez.

 

Um casal é considerado infértil se não conseguir a gravidez após cerca de 1 ano de relacionamento sexual ativo, sem uso de qualquer método anticoncepcional.

 
Graças aos grandes avanços da medicina reprodutiva, mesmo os casos mais graves de infertilidade masculina podem ser resolvidos. No entanto, como a fertilidade do casal diminui com a idade, e muitas vezes estamos correndo contra o relógio para obter a gravidez, é muito importante não perder tempo. Por isso, procure sempre um médico especialista no tratamento dos problemas de infertilidade.
 
 
Atualizado Agosto 2015

Androfert - Centro de Referência para Reprodução Masculina - Todos os Direiros Reservados